terça-feira, 14 de julho de 2009

A insustentável leveza das ...



Bolhas de sabão

Leves, diáfanas,elas
sobem no espaço
Têm a cor irisada
do arco-íris
Parecem que seguem um
compasso
Dançando na tarde
colorida



Estendo minhas mãos
pequenas
Luto para alcançá-las
Impossível.
Elas se desmancham nas tardes
amenas



Existem e não existem
Sinto-me triste
Não compreendo,
e digo à minha mãe
com o dedo em riste:
Um dia vou pegar uma que seja
Minha mãe sorri e sabe
com certeza
Que nunca as pegarei




Elas são como os
sonhos coloridos
Sonhos loucos que um dia sonhei
Dissolveram-se
nos anos da velhice
Foram bons e lindos
Mas eu nunca os
vivenciei

Poema de: Zoraide Moraes Marangon

Essa sequencia de fotos é simplesmente espetacular! Quem me enviou não conhece o autor, mas se eu descobrir volto para contar.


¯`•.¸¸.>

Comentário em Destaque:

Oooii, Mírian!

Que coisa mais liiiinda... tanto a sequências das bolhas de sabão como a poesia!
Este teu post é de uma leveza insustentável!!

Saudades,Amiga!
Bjão carinhoso pra ti.
Wania

Do blog Encantaventos


¯`•.¸¸.>

41 comentários:

marie disse...

Lindas as fotos e o poema muito adequado.
Beijinho

Chica disse...

Tudo muito lindo e maravilhoso.Fotos e o texto que nos faz pensar...beijos e um lindo dia,chica

graciete disse...

Lindas bolinhas de sabão que mais parem os nossos sonhos que nunca se realizaram,mas nem por isso deixamos de acreditar neles e de enviar nossos pedidos para o espaço metidos nas bolinhas de sabão.
E para rimar cá vai beijinho em seu coraão

Pelos caminhos da vida. disse...

Lindo!

Tem selinho lá pra vc.

Bom dia.

beijooo.

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Oi Amiga
Adoro bolas de sabão, retratam bem o poema, a leveza e aquele matizado de cores tão transparentes...seguimo-las e por momentos o nosso pensamento solta-se e ao mesmo tempo preso... sonhos de criança...pendurada na janela com uma palhinha e uma malga com águas e sabão, recordações de menina, se se apanhavam logo se desfaziam ...sonhos lindos...
Até breve continua a sonhar...
Herminia

Marina G. disse...

Que lindas essas fotos! *----*
Adoro fazer bolhas de sabão, lembra muito a minha infância.
beijos :*

Graça Pereira disse...

Tal como as bolas de sabão ou as gotas de água, guardam as cores do arco-íris, este poema mostra o sonho de todos nós, difícil de alcançar... e quando nos parece que já o temos na mão...há uma gota que escorre, água + cloreto de sódio= Lágrima! Um beijo Graça

Juliêta Barbosa disse...

Míriam,

Imagens e palavras em perfeita sintonia. Lindo!

Mírian Mondon disse...

Obrigada amigas pela visita, e fico feliz que tenham gostado, estava anciosa pra compartilhar essas fotos com voces, achei lindo demais e a doce poesia da Zoraide parece feita so medida, ou melhor as fotos parecem sob medida para esse delicado poema.

Beijos e até breve!

Mírian Mondon disse...

Marie obrigada pela visita! Vou responder a todos aqui mesmo, mas amanhá vou visitar a todos!

bjs

Mírian Mondon disse...

Oi Chica,
Bom te ver de novo. Gostei desse poema tambem, achei levemente triste, mas ele faz pensar.

beijos

Mírian Mondon disse...

Oi Graciete,
Seja bem vinda no Cafe, amanha terei (espero) um pouco mais de tempo para retribuir as visitas.
Voce tem razao, não podemos deixar de acreditar!

bjs

Mírian Mondon disse...

Ana, obrigada pelo selo e pelo carinho.
Amanha espero poder buscar, hoje estou com dificulade de mudar as paginas, esta levando muito tempo e nao dá para esperar.

obrigada!

Mírian Mondon disse...

Marina obrigada pela visita!
Prometo retribuir, espero conseguir amanhã aproveitando a Tertulia!

bjs

Mírian Mondon disse...

Oi Herminia!
Obrigada pela visita e pelo comentário. Amanhá passo para visitar voces! Hoje esta muito complicado com a net lenta!

bjs

Mírian Mondon disse...

Oi Julieta,
Saudades de voce! Espero que esteja bem!
Amanha vou visitar seu blog.
Otima semana e espero encontrar voce na ultima Tertulia!

beijos

MEUS PENSAMENTOS disse...

MIRIAN LINDO TEXTO MAIS APAIXONANTE AS BOLHAS DE SABÃO,ME LEMBRA A INFANCIA E OS MEUS FILHOTES.
MIRIAN O SELO É O BORBOLETA DE OURO
ESTA NA POSTAGEM GRANDE PREMIAÇÃO PEGA LA OK BJS!

Andreia disse...

Que show de imagens! Texto belo s delicado!!!
Bjsss

Mírian Mondon disse...

oi Marcia,
Vou lá sim pegar seu carinhoso selo, mas estou com problemas para trocar de pagina, nao sei porque, estou até preocupada por causa da ultima tertulia, tomara que até amanha já esteja normal de novo!

Beijos e mais uma vez obrigada!

Mírian Mondon disse...

Oi Andreia,
Obrigada pela visita! Essas fotos são demais né? Também achei um encanto e o poema voce disse tudo, delicado! Obrigada por deixar suas impressoes, amanha vou tentar te visitar!

beijos

Wania disse...

Oooii, Mírian!

Que coisa mais liiiinda... tanto a sequências das bolhas de sabão como a poesia!
Este teu post é de uma leveza insustentável!!

Saudades,Amiga!
Bjão carinhoso pra ti.

Selena Sartorelo disse...

Olá Mírian, disse muitas coisas que traduzem certamente o sentimento de muitos que participavam da tertúlia...acho que mais do que um encontro mensal, existe uma preocupação em expor o melhor que se sabe fazer, sem obrigação, mas por vontade, era como receber presentes, pois sentia o cuidado de todos que participavam, e uma exposição sem sentimentalismos...é essa descoberta que a tertúlia proporciona de tão bom, como também a vítima da quinta, e todos que através deles conheci. Quando vou conhecer pessoas tão interessantes continuo aumentando esse trajeto nos novos lugares que encontro, obviamente que nem todos são de gostos pessoais, porém a qualidade humana é a melhor, em todos os aspectos. O que mais além de feliz e grata posso sentir não é? Quando li teu comentário vejo o que tenho a agradecer ao Eduardo e ao Jorge por ter tido o prazer de conhecer tantas pessoas incriveis.
Pois foi numa procura de um lugar daquela qualidade que encontrei o blog da terturlia e a partir dele que conheci tantos artistas maravilhosos e hoje sobre muitos posso dizer que são amigos.

Volto para comentar seu blog e confirmar com muita alegria mais um espaço que se permitir vou acompanhar.

Beijos,
Selena

Mírian Mondon disse...

Waniaaaa!!! que lindo :)
Sua reação é que é irresistivel!!!

Beijos e obrigada!

Mírian Mondon disse...

Claro Selena, voce é mais do que bem vinda!
Obrigada por seu comentário tão especial. Vou lá no seu blog logo que conseguir (hoje meu note nao esta cooperando).Sua visita me deu muita alegria!

Beijos e até breve!

Mimirabolante disse...

que imagem......que belo texto.....

Mírian Mondon disse...

Obrigada pela visita mirabolante!

beijos

Anônimo disse...

bom dia!
arlete

Anônimo disse...

ahaha Miriam o q q é tertúlia!?
Arlete

Mírian Mondon disse...

oi Arlete tudo bem? Nao me esqueci do seu blog nao, vou fazer logo logo, mas meu note anda meio problematico ultimamente. Queria fazer para voce poder participar dessa ultima Tertulia, quem sabe ainda consigo, vou tentar!

Tertulia é um encontro virtual, no qual cada blog escreve sobre um mesmo tema. Essa ultima o tema foi livre.

Vou tentar fazer agora ta?
beijos e saudade

Sandra disse...

Mirian!
Todos nós ficamos triste com o final da tertulia.
Vc. teve a leveza de representar muito bem através do trabalho do tonho, bem como atraves das bolhas, a grande preciosadade das coisas.
A escrita e natureza, puro e bela.
Estas bolhas trazem o colorido das amizades, que com o passar dos tempos, foram se controindo e se solidificando.
Estou com saudades de vc.
Lá na curiosa tem o selo dos 100 e uma fatia de bolo. Passe lá minha e adoravél amiga.
Com muito carinho.
Sandra

Beth/Lilás disse...

Uau! Que espetáculo este dueto - Poesia X Imagem - simplesmente adorável!
bjs cariocas

Paulo Ka disse...

Oi Mirian,

Nossa bolha de sabão faz lembrar tanto minha infância...
Sempre gostei dessa transparência, dessa leveza, do jogo de cores, da forma...
E o texto então nem se fala, uma combinação perfeita.

Bjs
Paulo Ka
the K theory

Mírian Mondon disse...

uau pessoal nem sei o que gosto mais se é do post ou dos comentários de voces, acho que os cometários estão ainda mais bonitos!

Beijos

Cleopatra disse...

Não sei o que é melhor, se as fotos se a escrita. mas as fotos.... são excelentes..........:-))

Mírian Mondon disse...

Obrigada pela visita e comentario, voce tem razao os dois sao magnificos rs

vou te visitar logo que minha net melhorar!

Abraço

Wania disse...

Mírian, quanta honra ter meu comentário em destaque neste teu cantinho amado!
Quero que saiba que a inspiração foi colhida TODA aqui e que eu só transcrevi o que meu coração ditou!

Fiquei lisonjeada, obrigada!
Bj carinhoso pra ti minha amiga!

Daniel Savio disse...

Ficaram lindas as fotos, bem como a poesia...

Lembra-me um programa que passar na TV a Cabo que descobre como são as coisas em camera a lente (achei lindo quando eles jogaram uma bexiga em uma pessoa e filmaram em camera devagar).

Fique com Deus, menina Mírian Mondon.
Um abraço.

Menina Misteriosa disse...

Lindo texto e fotos deslumbrantes... engraçado, hoje queria me sentir assim... leve!
Parabéns pelo blog!
Bjos

Mírian Mondon disse...

Wania,
Seus comentarios merecem um blog só pra eles! :)

Beijos

Mírian Mondon disse...

Oi menina misteriosa!

Seja bem vinda no Café e obrigada por comentar...

Estou afinada com seu estado de espirito heim? :)

Fico feliz que tenha gostado!

Abraços

Mírian Mondon disse...

Super Savio!

Que bom que voce gostou, até que enfim voce gosta de uma postagem minha :) brincadeirinha com um fundo de verdade rs

beijos